Educamoc - O Portal da Secretaria Municipal de Educação de Montes Claros
Publicado Quin, 12 de Dezembro de 2019 às 12:39. Visualizações: 219. Imprimir
Escola Geraldo Pereira realiza lançamento de livro e sessão de autógrafos com autores no próximo sábado

No próximo sábado, 14 de dezembro, a Escola Municipal Geraldo Pereira de Souza realiza o lançamento do livro autoral “Conversas em versos”, produzido pelos alunos alunos do 6º ano. O evento, que começa às 7:30h na própria unidade, contará com sessão de autógrafos com os autores do livro.

“A iniciativa literária que culminou com a edição do livro “Conversas em Versos” é fruto do “Projeto relicário de amor” implantado pela biblioteca da escola no início do ano letivo, privilegiando o gênero poema. O trabalho  incentivou o potencial criativo inerente a todo aluno, oportunizando a eles essa brilhante aventura literária.”, explica a diretora da unidade, Hilda Alves de Oliveira. 

De acordo com a professora de Língua Portuguesa, Leila Tupinambá, o livro é uma oportunidade de dar voz aos jovens estudantes. “Durante as aulas, ao estudarem o gênero textual poema, os alunos conhecem o fazer literário, apreciam textos e obras  de autores reconhecidos pelo Brasil e pelo mundo. A produção de um livro pelos próprios estudantes é, pois, uma forma de oportunizar que eles sejam mais que leitores, mas, também, autores.”.

Segundo a professora de Arte e poetisa, Perciliana Rocha, “"Conversas em versos" é o cardápio cativante servido por jovens escritores/poetas, bem como pelos artistas ilustradores, que nos brindaram com sua criatividade. Impregnada de poesia, a obra perpassa temas como: infância, meio ambiente, bullying e amizade, registrando as sensações e sentimentos dos talentosos estudantes”.

Já a aluna do 6º ano, Maria Eduarda Souza Braz e Santos, acredita que produzir poemas é uma forma de expressar sentimentos e emoções. “A produção do livro é também importante porque é uma recordação que podemos guardar para toda a vida desse momento tão especial para nós, alunos e, agora, também, escritores”.

Para a professora de Língua Portuguesa, Lúcia de Almeida, “oportunizar aos alunos a escreverem poemas, ampliou-lhes o conhecimento estético do fazer poético. Durante as aulas ficou nítido que os alunos em suas produções, expressaram intensamente todos os seus pensamentos e sentimentos; com assuntos da sua realidade. Assim, construímos por meio de experiências inovadoras, o princípio para a formação de leitores/escritores em processo de construção”.

Texto: Escola Municipal Geraldo Pereira de Souza - Adaptação Farley Henrique (Educamoc)
Fotos e colaboração: Bruno Nogueira Silva

Leia também:
Trilha da Leitura participa de Aula da Saudade no Cemei Major Prates
Escola Francisco Athayde realiza Chá Literário e encerramento do projeto Consciência Negra
Alunos da Escola Mário Tourinho participam de manhã de lazer em clube da cidade
Trilha da Leitura visita mais 12 instituições parceiras